ESTÉTICA DA EXISTÊNCIA ESTUDANTIL E ATUAÇÃO DO ASSISTENTE SOCIAL NO ÂMBITO ESCOLAR

Dorgival Gonçalves Fernandes, Maria da Conceição Silva Félix

Resumo


No artigo objetivamos problematizar a questão da estética da existência juvenil e a atuação do/a assistente social no ambiente escolar. Teoricamente nos apoiamos no pensamento de Michel Foucault, principalmente nas noções de estética da existência, constituição do sujeito e governamentalidade. A base empírica constitui-se de dois documentos do CFESS (2012): “A inserção do Serviço Social na Política de Educação na perspectiva do Conjunto CFESS/CRESS: elementos históricos e desafios para a categoria profissional” e “Subsídios para a Atuação de Assistentes Sociais na Política de Educação”. As análises demonstram que as possibilidades de atuação do assistente social em função da estética da existência estudantil são muitas e são potencializadas pelo Projeto Ético Político do Serviço Social.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Dorgival Gonçalves Fernandes, Maria da Conceição Silva Félix

 

 

 Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 

ISSN: 2448-0916.

______________________________________________


 

/ // DRJI Indexed Journal / / / /