POLÍTICAS DE PERMANÊNCIA: ANÁLISE DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO PEDAGÓGICO AOS ESTUDANTES

Luiza Souza Ioppi, Janaína Santos Macedo

Resumo


O presente artigo busca analisar o impacto do Programa Institucional de Apoio Pedagógico aos Estudantes (PIAPE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) para a permanência estudantil. A análise fundamenta-se no contexto de expansão do ensino superior no Brasil, nas políticas de assistência estudantil e no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da UFSC. O artigo apresenta a criação e o funcionamento do PIAPE, as modalidades e áreas nas quais o programa é ofertado, e os dados sobre a procura e a efetiva participação discente no programa. Para o levantamento de dados realizou-se uma pesquisa de campo, onde foram analisadas as avaliações discentes sobre o programa, e mensurada a participação estudantil e seus resultados nas disciplinas curriculares acadêmicas, durante o segundo semestre do ano de 2018. Concluiu-se que, como parte de um amplo processo de democratização do acesso e da permanência no Ensino Superior, o programa é relevante para o percurso acadêmico, melhorando o desempenho dos estudantes nas disciplinas curriculares, dos mais diversos cursos e áreas de formação, diminuindo os índices de retenção. A discussão apresenta relevância para a área, considerando a necessidade de fortalecimento das políticas de assistência estudantil nas instituições de ensino superior.


Palavras-chave


Apoio Pedagógico. Ensino Superior. Permanência Estudantil.

Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, M. L. DA S. Reconfiguração do ensino superior brasileiro: direito ou desmonte? Revista Internacional de Educação Superior, v. 3, n. 3, p. 645-677, 6 set. 2017.

ARROYO, M. Outros sujeitos, outras pedagogias. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014.

ASSIS, A. C. L. et al. As políticas de assistência estudantil: experiências comparadas em universidades públicas brasileiras. Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, Florianópolis, p. 125-146, dez. 2013. Disponível em: . Acesso em: 08 dez. 2019.

BRASIL. Decreto nº 7.234, de 19 de julho de 2010. Dispõe sobre o Programa Nacional de Assistência Estudantil - PNAES. Brasília, 2010b. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/decreto/d7234.htm>. Acesso em: 02 dez. 2019.

BRASIL. Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012. Dispõe sobre o ingresso nas universidades federais e nas instituições federais de ensino técnico de nível médio e dá outras providências. Brasília, 2012. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12711.htm>. Acesso em: 02 dez. 2019.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação - PNE e dá outras providências. Brasília, 2014. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2014/Lei/L13005.htm>. Acesso em: 02 dez. 2019.

DELATORRE, F. et al. O Programa institucional de apoio pedagógico aos estudantes (PIAPE): um relato de experiência na UFSC. In: DIAS, C. E. S.; TOTI, M. C. S.; ANDERY, H. M. S. S.; POLYDORO, S. A. J. (Org.). Os serviços de apoio pedagógico aos discentes no ensino superior brasileiro. 1 ed. São Carlos: Pedro & João, 2020. p. 129-148.

DOMINGUES, R. M. et al. O Núcleo de Apoio ao Estudante da Universidade Federal de Santa Maria como espaço de inclusão no Ensino Superior. Ponto de Vista: revista de educação e processos inclusivos, Florianópolis, n. 10, p. 65-78, jan. 2008. ISSN 2175-8050. Disponível em: . Acesso em: 08 dez. 2019.

DUTRA, N. G. R.; SANTOS, M. F. S. Assistência estudantil sob múltiplos olhares: a disputa de concepções. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro , v. 25, n. 94, p. 148-181, Mar. 2017 . Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-40362017000100148&lng=en&nrm=iso&tlng=pt >. Acesso em: 08 Dez. 2019.

HERINGER, R. Democratização da educação superior no Brasil: das metas de inclusão ao sucesso acadêmico. Revista brasileira de orientação profissional, Florianópolis, v. 19, n. 1, p. 7-17, jun. 2018 . Disponível em

http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1679-33902018000100003&lng=pt&nrm=iso >. Acesso em 09 dez. 2019.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da Liberdade. 31 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2008.

MACIEL, C. E.; LIMA, E. G. S.; GIMENEZ, F. V. Políticas e permanência para estudantes na educação superior. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação - Periódico científico editado pela ANPAE, [S.l.], v. 32, n. 3, p. 759 - 781, dez. 2016. Disponível em: . Acesso em: 08 dez. 2019.

PASSOS, Joana Célia dos. Relações Raciais, Cultura Acadêmica e Tensionamentos Após Ações Afirmativas. Educ. Rev., Belo Horizonte, v. 31, n. 2, p. 155-182, Jun. 2015. Disponível em: . Acesso em: 31 Jan. 2021.

SCHIRMER, S. N.; TAUCHEN, G. Programa de Acompanhamento e Apoio Pedagógico ao Estudante: um espaço de intervenção na formação acadêmica. RELACult - Revista Latino-Americana de Estudos em Cultura e Sociedade, [S.l.], v. 5, maio 2019. Disponível em: . Acesso em: 09 dez. 2019.

UFSC. Diretrizes do Programa Institucional de Apoio Pedagógico aos Estudantes de Graduação. Florianópolis: Imprensa Universitária UFSC: 2013.

UFSC. Plano de Desenvolvimento Institucional 2015 a 2019. Florianópolis: UFSC, 2015. Disponível em: < https://pdi.paginas.ufsc.br/files/2015/05/PDI-2015-2019-1.pdf>. Acesso em: 12 dez. 2019.

UFSC. Conselho Universitário. Resolução Normativa nº. 133/019/CUn, de 29 de outubro de 2019. Regulamenta o Programa Institucional de Apoio Pedagógico aos Estudantes no âmbito da Universidade Federal de Santa Catarina. Disponível em: < http://piape.prograd.ufsc.br/files/2019/11/RN1332019CUn_PIAPE-1.pdf>. Acesso em: 12 dez. 2019.




DOI: http://dx.doi.org/10.52641/cadcaj.v6i3.492

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2021 Luiza Souza Ioppi, Janaína Santos Macedo

 

 Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 

ISSN: 2448-0916.

______________________________________________


 DRJI Indexed Journal